terça-feira, 1 de abril de 2014

Boleima de Portalegre



Já estamos na primavera, hoje já é dia 1 de Abril mas continua a chuva e o frio!!!
A doçaria tradicional do nosso país é o tema escolhido para a 11ª edição do Dia Um na Cozinha.
Ao fim da tarde, novamente o forno aqueceu a cozinha enchendo-a de aromas provenientes de uma deliciosa boleima.
Adoro esta iguaria alentejana, seja ela feita de que forma for......as receitas variam de terra para terra...mas as mais conhecidas ou faladas são as boleimas de Castelo de Vide, de Alter do Chão e as de Portalegre.
Eu não resisti a fazer a boleima de Portalegre, tradicional no meu distrito e que tanto apreciamos cá em casa. Esta que vos trago foi feita, fotografada,....provada e aprovada e pronta para o desfile no grupo.


Ingredientes:
200 g de leite
160 g de óleo ( usei metade óleo e metade azeite )
100 g de açucar amarelo
500 g de farinha sem fermento
3 maçãs médias
Q.b. de erva doce
Q.b. de açucar amarelo e canela para polvilhar


Confeção:
Deite no copo da bimby, o leite, o óleo, o açúcar, a erva doce e a farinha.
Programe 3 min. vel. 3.
Unte com margarina e polvilhe com farinha um tabuleiro de ir ao forno.
*Pré-aquecer o forno a 180º C.
Dividir a massa em duas partes;
Tender uma das partes da massa numa superfície enfarinhada, com a ajuda de um rolo;
Colocar a massa no tabuleiro e " esticar " com as pontas dos dedos de forma a ficar fina;
Polvilhar com bastante canela e açucar;
Cortar as maçãs em fatias finas e colocá-las sobre a massa;
Polvilhar generosamente com açúcar e canela;
Tender a restante massa e colocá-la por cima das maçãs;
Com as pontas dos dedos calcar ligeiramente;
Polvilhar de novo com açúcar e canela;
Ainda crua corte a massa aos quadrados/retângulos;
Levar ao forno 25/30 min. ou até ficar douradinha.
*Faça o teste do palito


Uma delícia tão simples...



 Não esqueçam.....saboreiem as maravilhas que a vida nos dá...