quarta-feira, 30 de abril de 2014

Massa para a pizza perfeita

...ou massa de pizza perfeita....

Já a Susana do blog no soup For you assim a apelidou tal qual lhe chamavam no blog Cinara Place, ao qual foi buscar esta deliciosa receita de massa. 
Tenho experimentado muitas receitas de massa de pizza mas poucas são as que me convencem....confesso que esta é daquelas que nos "enche as medidas"...muito saborosa e versátil, tanto se pode fazer uma massa alta e fofa como uma baixa e estaladiça.
Ainda que seguindo a receita da Susana, saltei um passo importante que é o da levedação.....mas nem isso comprometeu a minha deliciosa massa, ficou no ponto.....baixa, muito aromática, saborosa e crocante.
Aos fãs de pizza como eu recomendo vivamente que experimentem esta receita e não a "vão largar"...!!!!.
Obrigada Susana!!!. 


Ingredientes:
Para a massa
120 ml de água
120 ml de leite
1 c. de chá de alho em pó Pimensor
2 c. de chá de queijo parmesão ralado em pó
2 c. de sopa de azeite
1 c. de chá de flor de sal Rui Simeão Tavira Sal
1 c. de sopa de açúcar
420 gr de farinha de trigo T65
2 c. de chá de fermento biológico seco

Para o recheio/cobertura
Tomate frito de compra
Queijo Grán Capitan que ralei e congelei
Q.b. de delicias do mar
Q.b. de cogumelos
Q.b. de tiras de peito de frango já cozinhadas
Q.b. de atum claro ao natural
Q.b. de oregãos folhas Pimensor
Q.b. de oregãos frescos Aromáticas Vivas


Preparação:
Máquina de pão
Coloque dentro da cuba todos os ingredientes pela ordem indicada e programe no ciclo "Massa";
Com ajuda de um utensílio de madeira ou plástico misture o alho com os líquidos para que não interceda com a levedação;
O fermento não pode entrar em contacto com o sal.

Bimby
Deite no copo a água, o leite, o alho, o azeite, o queijo, o açúcar e a flor de sal e programe 1 min./ temp 37ºC/ vel 2;
Junte a farinha e o fermento e programe 20seg./vel 6;
De seguida marque 2min. no modo espiga;
A massa deve levedar no copo.

Tradicional
Aqueça a água e o leite ligeiramente e dissolva o fermento;
Junte o azeite e misture bem;
Coloque a farinha na mesa de trabalho com o açúcar, o parmesão, o alho e o sal e no meio coloque os líquidos ( faça uma cova no meio);
Amasse muito bem durante uns minutos;
Forme uma bola, coloque numa tigela tapada com um pano e deixe que levede 30 minutos.

Quando a massa estiver levedada, divida-a nas porções desejadas e faça os discos de pizza.
Pincele-os com azeite, polvilhe parmesão ralado por cima, pique a massa com um garfo e deixe-a descansar cerca 40 minutos.
Leve os discos de massa 5 a 10 minutos ao forno pré-aquecido a 220°C até dourarem.
Tire do forno e adicione o molho com cobertura a gosto e leve novamente ao forno 8 minutos aproximadamente, até o queijo derreter.


Com as quantidades indicadas fiz duas pizzas grandes de massa baixa!!!!


Esta é uma delas, queijo ralado, atum, delicias do mar, cogumelos e tiras de peito de frango cozinhado.....



Nesta receita usei:




















Agradeço às empresas referidas os excelentes produtos enviados.







Não esqueçam....saboreiem as maravilhas que a vida nos dá......

terça-feira, 29 de abril de 2014

Eco Gumelo - o cogumelo gourmet pronto a crescer

Ecológico, fácil e divertido, saboroso e saudável!!!!

Está prestes a terminar o ciclo de crescimento dos meus cogumelos, faz hoje precisamente 10 dias que a caixa do Eco Gumelo chegou cá a casa. Tem sido uma experiência muito enriquecedora para toda a família, pois ver crescer os nossos cogumelos tão rapidamente apenas com alguns borrifos de água tornou-se motivo de curiosidade diária. 
A minha filha R. de 10 anos quis ficar com a tarefa de "tratar" dos cogumelos....quando chega da escola vai logo ver o crescimento, a forma e a cor dos Pleurotus....é uma actividade muito divertida e motivadora para ela.
Estamos desejosos que chegue o momento de "colher" os cogumelos e a R. quer segurar o cacho, já a parte de os comer terá que ser bem pensada diz ela.
Durante estes 10 dias fiz apenas 3 registos fotográficos mas que mostram claramente a rapidez com que "estes meninos" crescem....e que nos deixa quase incrédulos.
Estamos a prever, que daqui a mais 1 ou 2 dias os nossos cogumelos estejam prontinhos para uma deliciosa receita, a qual faça sobressair a textura e cor dos mesmos.


Como mostram as fotos abaixo...eles estão mesmo a querer saltar da caixa!!!! 

VER......CRESCER........









































Hoje dia 29 de Abril.....passados 10 dias de abrir a caixa Eco Gumelo...


Agradeço à Gumelo a amabilidade.



Puré de maçã com sementes de Chia


Doce ou salgado????




Gosto bastante de puré de maçã, é muito versátil pois tanto pode ser servido como sobremesa, complemento desta ou como um delicioso acompanhamento de carne. Antes de ter a bimby comprava frascos grandes no LIDL e na verdade a textura e sabor são bons....mas agora que o faço vejo a diferença que existe, pois para além de ser muito mais económico podemos diminuir em grande parte o doce...já para não falar dos conservantes, etc...!!!. 
Desta vez experimentei algumas variantes e posso dizer que ficou uma delícia, cremoso e muito saboroso.


Ingredientes:
1000 gr de maçã - usei Golden
Sumo de 1 limão pequeno (para não oxidar)

Sumo de 1 laranja pequena
3 c. de sopa de açúcar amarelo ou 3 c. de sopa de mel
1 c. sopa de margarina vegetal
1 c. café de gengibre em pó 
1 c. sopa de sementes de Chia - opcional

Preparação:
Descascar e descaroçar as maçãs;
Colocar as maçãs cortadas em pedaços com os restantes ingredientes e programar 30seg. /vel.4/temp. 100º C;
Terminado o tempo, com a espátula baixar os pedaços que estão nas paredes do copo;
De seguida programar 15min./ temp.100ºC/ vel 2;
Triturar durante 15seg. indo progressivamente até à vel7;
Com a ajuda da espátula misturar as sementes de chia;
Retirar para frascos ou um recipiente de servir.

Dica: Se o puré não estiver com a consistência desejada, retirar o copo medida, colocar o cesto sobre a tampa e programar alguns minutos Varoma e vel.1.



Uma forma saudável de aproveitar maçãs "feias" mas muito saborosas!!!!






Não esqueçam.....saboreiem as maravilhas que a vida nos dá......







Fonte: Auto-criação

segunda-feira, 28 de abril de 2014

Bolachas integrais com especiarias

.....que desaparecem num instante....


Procuro com frequência receitas de bolachas integrais, as minhas preferidas. A caixa das bolachas deve estar sempre "bem recheada" já que ela é a minha salvação nos momentos em que a fome aperta e nem sempre é fruta que apetece!!!!.
Cá por casa apenas eu e a filhota R. somos apreciadoras de produtos integrais, bagas e sementes....gostamos de todas as sementes e bagas que experimentamos....apreciamos imenso o nosso pãozinho feito na MFP e não dispensamos a margarina de soja.
A receita que vos trago hoje é muito diferente das que tenho feito e a meu ver uma das mais deliciosas....as especiarias dão-lhe um toque maravilhoso e a textura é suave e apetecível.....umas bolachas integrais que só na cor o parecem ser. 
O "trabalhado" destas minhas preciosidades douradas foi feito com um objecto que adquiri numa feira de antiguidades ou velharias como lhe queiram chamar....nem eu nem a vendedora sabemos o nome de tal artefacto nem o seu uso concreto....mas...não resisti a comprá-lo por isso mesmo talvez....pela sua misteriosa utilidade....!!!.    


Ingredientes:
2 chávenas de farinha integral
3 c. sopa de azeite ou margarina vegetal à temperatura ambiente
1 c. sobremesa de canela em pó
1 c. chá de gengibre em pó
1 c. café de cravinho em pó
1 c. chá de flor de sal Rui Simeão Tavira Sal
1 chávena de açucar mascavado
1 ovo
1 c. chá de fermento em pó
1 c. sopa de sementes de papoila
1 c. sopa de sementes de sésamo

Preparação:

Numa tigela misture o azeite/margarina com o açúcar e envolva bem;
Junte as especiarias, o ovo e por fim a farinha com o fermento;
Amasse tudo muito bem e adicione as sementes;
Forme uma bola com a massa, embrulhe em papel aderente e leve ao frigorífico cerca de duas horas;
Retire a massa e estenda-a com ajuda de papel vegetal para não se colar ao rolo e à mesa de trabalho;
Recorte bolachas com "desenhos" a gosto;
Leve a cozer em forno pré- aquecido a 180º C durante 15 minutos num tabuleiro forrado com papel vegetal. 





Apetitosas......aconselho!!!!



Nesta receita usei:

Agradeço à empresa referida os excelentes produtos enviados.






Não esqueçam......saboreiem as maravilhas que a vida nos dá......





Fonte: https://lifestyle.publico.pt/‎

quarta-feira, 23 de abril de 2014

Tarteletes de morango com crumble

Morangos menos doces....


Desde que começam a encher de cor os sítios onde compramos....eles chamam por nós, grandes, lindos e luzidios....mas sabemos que nem sempre o aspeto corresponde aquilo que o nosso palato imagina....!!!!.
As alternativas para comer morangos menos doces são imensas...vão desde um batido até uma compota....mas eu decidi ficar pelo meio...digamos que decidi adocicar os morangos mas somente q.b. .


Ingredientes:
1 embalagem de massa folhada fresca
1 ovo
2 c. de sopa de açúcar branco
1 colher de sopa de farinha sem fermento
250 gr de morangos cortados em cubos

Para o crumble:
50 gr de margarina vegetal
2 c. de sopa de açúcar amarelo
3 c. de sopa de farinha sem fermento
1 c. de café de canela em pó
Açúcar em pó q.b.


Para 4 tarteletes grandes ou seis médias

Preparação:
Untar as formas com margarina e forrar com a massa;
Distribuir os morangos pelas formas;
Bater o ovo com o açúcar até aumentar de volume e adicionar a farinha;
Misturar bem e verter o preparado sobre os morangos;
Numa tigela colocar a margarina bem fria, o açúcar, a farinha e a canela;
Amassar com as mãos até formar uma mistura areada;
Distribuir a massa areada por cima das tarteletes de forma irregular;
Levar ao forno pré-aquecido a 180ºC até estas estarem douradinhas;
Quando estiverem mornas é só desenformar e polvilhar com o açúcar em pó.



Acompanhe com uma bola de gelado ou crème fraiche e delicie-se!!!


Maravilhosas....



Não esqueçam......saboreiem as maravilhas que a vida nos dá.....






Fonte: Adaptado do blog Fazecome





Rui Simeão Tavira Sal

Relembrar parceria!!!!




É esta a marca registada sob o n.º 360713 V, do INPI, deste produtor em Nome Individual, proveniente de uma família de Salineiros, em actividade artesanal permanente ao longo de 5 gerações, passando testemunho e conhecimento de pais para filhos nas suas próprias propriedades que eles próprios trabalham, na execução, preparação de salinas, gestão, controlo da sua própria colheita e comercialização do seu próprio produto, pois não comercializa produtos que não produza na sua salinas, por isso tem só uma marca e uma só certificação.

Este produtor foi pioneiro, em Portugal, na produção de Flor de Sal (coalho, nome pelo qual era conhecida entre os Salineiros), dois anos antes de todo e qualquer outro ter aprendido consigo, inicialmente para exportação, depois para consumo nacional. Este produto sempre se colheu, nos cantos dos talhos, para consumo próprio e para ofertas aos amigos, desde que há conhecimento destas salinas. Existe um autocontrole de produção e de qualidade, proveniente do conhecimento passado verbalmente entre os familiares, não só dos avós até a este produtor, como também entre os quatro irmãos da avó, que também eram moleiros cumulativamente a este ramo de produção, que aos poucos se sobrepôs na totalidade à moenda de farinhas alimentares em azenhas de mar, mas em outras propriedades contíguas, já desactivadas pelos seus sucessores, com cerca de 100 hectares. Estes conhecimentos provenientes da experiência própria têm sido actualizados ao longo dos tempos e postos em prática na optimização da produção, colheita, armazenamento e empacotamento, tendo em conta os avanços tecnológicos na pós-colheita, tendo se procedido a melhorias no transporte e armazenamento avanços científicos mais recentes na qualidade do produto final.



O meu agradecimento a esta empresa pelos excelentes produtos enviados.






terça-feira, 22 de abril de 2014

World Baking Day




O World Bakind Day vai novamente comemorar-se, este ano será no dia 18 de Maio. A Vaqueiro apoia pelo segundo ano consecutivo este projeto e convidou alguns bloggers a participar com as suas doces criações.
Este projeto surgiu da vontade de adoçar a vida, mostrando a qualquer pessoa que confecionar um bolo pode ser uma tarefa muito rica, fácil, divertida e que pode proporcionar verdadeiros momentos de lazer em família.
O desafio deste ano, vem na sequência do enorme sucesso alcançado no ano passado e a campanha de 2014 designa-se por " Faça mais um bolo ", tentando-se assim incentivar mais pessoas a participar e a disuadir a ideia de que só em dias especiais se fazem bolos.
Pretende-se um elevado número de participações sob o lema " Vá para a cozinha e aventure-se a fazer um bolo ".

Foi com muito agrado que aceitei participar neste projeto e já recebi o meu kit de produtos. Fiquei deliciada com a caixinha em forma de fogão, é realmente maravilhosa!!!.



Dia 18 de Maio o meu bolo será publicado no blog.....até lá aguardem e não esqueçam adocem os vossos dias, adocem a vida com um bolo....ou vários bolos!!!!.

No próximo dia 18...Vamos todos tornar o MUNDO mais doce.....!!!!!

Ful Medames


Uma viagem ao Egipto...


A culinária egípcia é única, não muito condimentada e bem temperada com ervas. 
Ful Medames é um prato obrigatório no Egipto e tradicionalmente tomado ao pequeno almoço.
Ful Medames é feito à base de favas cozidas lentamente em panelas de cobre e parcial ou inteiramente amassadas, com azeite, salsa picada, cebola, alho e sumo de limão, normalmente servido com pão egípcio de nome Baladi.
Fui buscar inspiração ao livro Cozinhar com Prazer do Chef Chakall e tornei este prato numa refeição principal deliciosa, acompanhada de um excelente chouriço de cebola Quinta dos Fumeiros.


Ingredientes:
2 cebolas 
200 gr de feijão cozido
3 c. sopa de concentrado de tomate
2 c. sopa de azeite
2 c. sopa de manteiga de amendoim
Q.b. de sal Rui Simeão Tavira Sal
Pimenta branca
1 c. sopa de cominhos
Sumo de 1 limão
1 tomate fresco - não usei
Salsa picada - usei coentros Aromáticas Vivas
Tortilha mexicana ou pão pita


Preparação:
Descasque e pique as cebolas;
Num tacho aqueça o azeite e junte uma cebola picada;
Adicione o feijão, o concentrado de tomate e a manteiga de amendoim;
Tempere com sal, pimenta, cominhos e sumo de limão e deixe apurar;
Entretanto numa taça misture a outra cebola, o tomate e a salsa/coentros picados - regue com um fio de azeite e tempere com sal e pimenta;


Sirva esta mistura sobre o Ful com pão pita ou tortilhas mexicanas.


Servi com um delicioso chouriço de cebola ligeiramente aquecido num fio de azeite.....



Nesta receita usei:




Agradeço às empresas referidas os excelentes produtos.





Não esqueçam.....saboreiem as maravilhas que a vida nos dá......







Fonte: http://wikitravel.org/pt/Egipto

segunda-feira, 21 de abril de 2014

Folar de Rosas

E um agradecimento...


Gosto muito de folares doces com forma de flores...ou rosas como lhes chamam...parecem mesmo botões de rosa, são tão lindos e perfumados!!!!. Esta iguaria habitualmente confecionada na Páscoa para além de deliciosa é muito versátil, pois tendo a massa base preparada o recheio pode ter imensas variantes, as quais vão desde os frutos secos à fruta fresca e à utilização de compotas diversas. Desta vez optei por um recheio de cherovia com açucar mascavado e canela e o cheirinho na minha cozinha foi maravilhoso. 
Este lindo folar não foi degustado por nós, foi sim uma forma singela de agradecer a alguém que em determinado momento colaborou comigo numa aventura pela qual passei e que daqui a uns tempos contarei no blog.


Ingredientes:
25 gr de fermento de padeiro
0,9 dl de água
425 gr de farinha sem fermento
80 gr de açucar amarelo
Q.b. de canela em pó
Q.b. de erva doce
60 gr de azeite ou margarina vegetal
40 gr de mel
0,5 dl de leite
1 c. de café de flor de sal Rui Simeão Tavira Sal
2 ovos
1 boião de doce de cherovia e gengibre Cherosabores


Preparação:
Unte uma forma de fundo amovível (24 cm) com margarina e polvilhe-a com farinha;
Coloque o fermento numa tigela, junte-lhe a água morna e mexa até este dissolver;
Adicione 125 gr de farinha e amasse bem - deixe levedar até dobrar de volume;
À parte coloque 300 gr de farinha numa tigela com o açucar, uma pitada de canela e uma pitada de erva doce - reserve;
Aqueça ligeiramente o azeite ou margarina com o mel e o leite e misture bem - adicione-os à massa já lêveda junto com a flor de sal e os ovos;
Amasse tudo muito bem, sovando a massa até estar tudo ligado;
Forme uma bola com a massa, coloque-a numa tigela polvilhada de farinha e tape-a com um pano húmido - deixe levedar até dobrar de volume;
Depois de levedar coloque a massa numa superfície de trabalho polvilhada com farinha e estenda-a com um rolo de cozinha até obter uma espessura fina;
Barre toda a massa com o doce e polvilhe com canela;
Enrole a massa até obter o formato de uma torta e corte-a em rodelas de aproximadamente 4 dedos de largura;
Disponha as rodelas dentro da forma e tape com um pano húmido para levedar novamente até dobrar de volume;
Leve o folar a meio do forno já quente, a 180ºC até estar dourado - faça o teste do palito;
Decorrido o tempo, retire, deixe arrefecer um pouco e desenforme.

Sugestão: Ainda na forma pincele o folar com mel e polvilhe com açucar mascavado.


Lindo sem dúvida!!!!



Nesta receita usei:


 


Agradeço às empresas referidas os excelentes produtos enviados.






Não esqueçam......saboreiem as maravilhas que a vida nos dá....








Fonte: Adaptado de Cozinha Nova-Mulher Moderna nº 59




domingo, 20 de abril de 2014

Farófias de Páscoa

Cor e sabor  para miúdos e graúdos...

Trago umas farófias um pouco diferentes das tradicionais mas igualmente saborosas. Optei por não as polvilhar com canela mas sim com bolinhas de açucar coloridas, de forma a torná-las ainda mais apelativas para as crianças. 
Deliciarmo-nos com estas nuvens feitas com clara de ovo é quase como comer algodão doce azul......hummmmm maravilhosas!!!!.


Bimby
Ingredientes:
Q.b. de açucar em pó
3 claras
1 pitada de sal
Q.b. de corante liquido - usei azul

Preparação:
Pulverize o açucar na vel. 9 e reserve;
Coloque a borboleta, as claras e o sal e programe a máquina na vel. 31/2 sem o copo medida, verificando a consistência das claras. Quando as claras estiverem volumosas vá adicionando açucar em pó até que estas estejam brilhantes - por fim adicione umas gotas de corante liquido e envolva com a espátula;
Coloque um tacho com água ao lume e quando esta ferver coza colheradas de claras durante 30 segundos de cada lado;
Coloque uns instantes em papel absorvente para retirar o excesso de liquido e reserve.

Creme Custard:

Ingredientes
300 gr de leite
2 1/2 colheres de sopa rasas de farinha Custard
2 colheres de sopa de açucar branco
1 pau de canela
1 casca de limão

Preparação:

No copo da Bimby coloque o leite, o açucar e a farinha e programe 30seg./vel. 4;
Junte o pau de canela e a casca de limão e programe 6 min/90ºC/ vel. 2;
Verta o preparado num prato grande ou travessa (rejeite a canela e as cascas de limão) e por cima deste coloque as claras coloridas;
Decore com bolinhas coloridas e raspas de limão.





Doce Páscoa !!!





Não esqueçam.....saboreiem as maravilhas que a vida nos dá....






Fonte: Auto-criação